Tendência: menos é mais

Fazer mais com menos, buscar a simplicidade, essência, purismo das formas, valorização do mínimo, simetria são princípios ligados ao movimento minimalista. Reconhecido no século XX, atuou e ainda atua de maneira relevante na arte, arquitetura, design refletindo no estilo de vida e no modo de pensar dos indivíduos. Mediante ao ataque de imagens, informações, cores, elementos, consumo que são devorados dia a dia, minuto a minuto por nós o movimento minimalista ganha destaque no cenário atual.

Assim, vêm à tona manifestos, mais imagens, o culto de uma vida feliz com menos, e um bombardeio de informações sobre o minimalismo que virou tendência para os próximos anos, nesse caso o menos se torna mais. Mas o que acontecerá quando ele deixar de ser tendência? Apenas deixaremos passar e seguiremos outros movimentos. Talvez, tenhamos evoluído um pouco mais, algumas pessoas sentir-se-ão melhores humanamente, outras só se deixarão levar pela tendência e algumas abraçarão o estilo e assumirão como parte de sua identidade.

Com manifesto ou sem manifesto, com simplicidade ou sem simplicidade, minimalista ou não no fundo o que queremos é ter a sensação de pertencimento, de um movimento, de uma sociedade, de um grupo, cultura, uma tendência.

E como diria o filósofo, se for para melhorar “less is more”.

342 magnolia streetpasadena, ca 91105

 

 

 

 


webpequena

Jaqueline Lira

“Sou contadora por formação, artista por emoção, palhaça por vocação e  estudante de produção de moda por dedicação”.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s